quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

O SEU A SEU DONO

.
AQUELA JANELA VIRADA P'RO MAR, APENAS A FOTO É DE MINHA AUTORIA
.
A AMIGA HANA DO BLOGUE PAZ-HARMONIA E AMOR - http://hana-yama.blogspot.com/
.
NA SUA POSTAGEM DE ONTEM PRESTA-ME UMA SIMPÁTICA HOMENAGEM REFERINDO-ME COMO AUTOR DA BELÍSSIMA LETRA DO IMORTAL FADO CANTADO PELO SAUDOSO TRISTÃO DA SILVA, MAS TAL NÃO É VERDADE, NÃO CHEGO A TANTO. SOU APENAS AUTOR DA FOTOGRAFIA.
.
TAL COMO REFERI ENTÃO, A LETRA E A MÚSICA DESTE BELÍSSIMO FADO SÃO DA AUTORIA DE FREDERICO DE FREITAS
.

.
OBRIGADO HANA PELO CARINHO
.

.
TRISTÃO DA SILVA
.
Data de Nascimento:18-06-1927
Local de Nascimento:Lisboa
País de Origem:Portugal
.
Autor de êxitos como “Nem Às Paredes Confesso” e “Aquela Janela Virada Para O Mar”, Tristão da Silva assumiu-se simultaneamente como fadista e cantor romântico.
Manuel Augusto Martins Tristão da Silva é natural de Lisboa, onde nasceu no dia 18 de Julho de 1927, tendo falecido prematuramente num brutal acidente de viação ocorrido em Lisboa na década de 70.
Foi como Tristão da Silva que sempre se apresentou durante a sua carreira artística, que teve estreia no Café Mondego, onde era conhecido apenas como o “miúdo do Alto do Pina”.
Tornou-se num fenómeno de popularidade dentro e fora do território português graças a “Nem Às Paredes Confesso”, êxito que esteve na base dos espectáculos que realizou no Brasil, como era hábito na altura, bem como da gravação de discos, que contaram com o acompanhamento de orquestras em vez das tradicionais guitarras.
.

4 comentários:

CR disse...

A foto ilustra magnificamente a belíssima canção de Tristão da Silva.
Um abraço.

Hana disse...

Nobre amigo, já fiz a devida correção lá no Harmonia no Post em sua homenagem.Estou pedindo mil desculpas, pelo equívoco da minha parte.Mas esta tudo certo agora. Eu fiz este carinho pra vc em meio ao trabalho, meu doutorado, é sempre assim pela falta de tempo por isso não me ative a este erro. De qualquer forma esta postado em meu blog a correção. Fico feliz por ter gostado, não existe nada melhor do que eu me sentir feliz por fazer alguém feliz, o doar e receber são a mesma coisa.Mas saiba que não faltei com a verdade apenas fiz confusão achei que vc era o autor do poema, como já informei fiz na correria entre estudo e trabalho e congestionamento em Tokio,rss... acabei conseguindo terminar esta homanagem.
Com carinho
Hana
Com carinho
Hana

Aleatoriamente disse...

Você sabia Gaspar,
que uma fotografia bem tirada é uma poesia exposta?
A sua é um lindo poema.
Parabéns!

PS: Hana, com certeza meu anjo, isso acontece muito.
Já se desculpou andemos para frente.
Conhecemos seus atos e eles são nobres.
Beijo para ti também menina!

Beijinho.
Fernanda.

Lis disse...

Oi Gaspar
estiver na Hana e vi a homenagem bem merecida por sinal rs
suas fotos por si só já exalam poesia compáraveis a beleza do poema do Tristao da Silva.
O fado Nem as paredes confesso" é de fato muito lindo.
Parabéns a voce e ao carinho da Hana.

5ª TERTÚLIA A 02 DE JULHO

5ª TERTÚLIA A 02 DE JULHO
COM A ARTE NO OLHAR