domingo, 12 de junho de 2011

DEAMBULAÇÕES 237

.

TROVA DO VENTO QUE PASSA - 2

.

.

E o vento não me diz nada
só o silêncio persiste.
Vi minha pátria parada
à beira de um rio triste.

Manuel Alegre

9 comentários:

Camila Lima disse...

Lindo!

Parole disse...

Que céu é esse!!!Deslumbrante.

Beijos

Tânia Camargo disse...

Querido amigo Gaspar,

Obrigada pela visita , por sua lembrança e por seus votos.
O dia dos namorados "nosso" foi memorável, amigo!Rsrsrs...
Vc comemoram em outra data aí em Portugal, não é?

Estou adorando o dueto de suas obras fotográficas com poesias.

Muito lindo,

Bjs e uma ótima semana,

Tânia Camargo

teca disse...

O vento que passa deixando esse céu tão azul!

Um beijo imenso, amigo Gaspar!

P.S.- Estou admirando as fotos que não pude ver antes...

FlorAlpina disse...

O vento nada diz...
Mas as imagens dizem tanto!

Bjs dos Alpes

Andreia disse...

Adorei!

AndreiaL
http://omeuolharfotografia.blogspot.com/

Tânia Camargo disse...

Querido amigo,

Gostaria de já ter comentado antes, mas por falta de tempo...
Essa fotografia me remete à infância de uma forma incrível! Fez me lembrar das tarde de primavera em que minhas brincadeiras no gramado do jardim eram divididas com os varais de roupa...
E minhas memórias tem essa exata perspectiva: De baixo para cima... Como eu observava as roupas "voando ao vento"...

É mágico como imagens nos emocionam, nos fazem viajar...

Obrigada querido amigo por essa lembrança já esquecida..

Bjs em seu coração,

Tânia Camargo

Beth Kasper disse...

Juro que não morro sem ir a Portugal para ver um varal colorido igual a este ao prazer de um vento!
Linda foto!

Gaspar de Jesus disse...

CAMILA
PAROLE (é o céu de Portugal! rsrs)
TECA
FLOR

TÂNIA (obrigado pelas suas palavras. Também eu, viajo muito, nas "asas" de uma imagem)

BETH(oxalá o desejo se concretize e então, se ainda por cá estiver, terei muito gosto em me deitar a seu lado, no chão da Afurada, para ver-mos de baixo para cima, estes simples panos ao vento).
Obrigado a todos.
G.J.

5ª TERTÚLIA A 02 DE JULHO

5ª TERTÚLIA A 02 DE JULHO
COM A ARTE NO OLHAR