sexta-feira, 14 de junho de 2013


FOTO DE RUA - 6

O PATO DOURADO

Este cidadão propagandeava em Santa Catarina um "garimpeiro" de nome PAPORO 

Na cidade do Porto fecham em média seis lojas por dia..
Por outro lado, proliferam como cogumelos os "novos garimpeiros".
A este negócio da compra de ouro usado, de legalidade muito duvidosa,
dedicam-se pessoas vindas normalmente de fora da cidade,
com o intuito de sacar o anel, o fio, ou a pulseira,
que ainda restam ao pobre cidadão. Ouro que, logo é entregue a quem o transforma em lingotes 
e o exporta para fora do país. Enquanto isso, o Governo português, também ele muito duvidoso,
assobia para o lado e faz de conta que não vê. 
É que, ao que tudo indica, esta manigância representa cerca de 10% das exportações portuguesas.

 



4 comentários:

:.tossan© disse...

Olá amigo Gaspar, aqui acontece a mesma coisa. A inteligencia das autoridades são aguçadas demais para perceberem isso. Abraço

Gaspar de Jesus disse...

Muito obrigado Amigo Tossan pela visita e comentário.
Abç
G.J.

Allan Robert P. J. disse...

Aqui na Itália essa epidemia dos "bicos de ouro" continuam crescendo. Mas por aqui eles nem se dão ao trabalho de derreter o ouro e revendem a joia inteira.

Impostos? O governo italiano também saber assobiar pro lado.

Linda disse...

Ha ha! I like this.

5ª TERTÚLIA A 02 DE JULHO

5ª TERTÚLIA A 02 DE JULHO
COM A ARTE NO OLHAR